Atividade física no período pós-parto é uma questão delicada, que suscita diversas dúvidas e requer um conhecimento específico do profissional que irá supervisioná-la. Quando bem realizada, é um aliado fundamental para ajudar as mamães a recuperarem a boa forma, reduzirem seu nível de estresse e melhorarem sua qualidade de vida. Mas deve ser acompanhada por um profissional estudioso, que tenha consciência de estar lidando com um grupo que requer cuidados especiais.

Já me perguntaram diversas vezes quanto tempo depois do parto uma mulher pode retomar a prática de atividade física. A resposta é uma só: quando seu médico liberar. Não cabe ao profissional de educação física tomar esta decisão. Só treine com autorização do seu médico. Normalmente, em caso de parto normal, uma semana depois os médicos costumam liberar para atividades leves como uma caminhada e cerca de um mês depois as atividades mais pesadas. No caso de cesárea, médicos costumam liberar para atividades leves entre 30 a 60 dias da cirurgia e cerca de 90 dias para atividades pesadas. Porém, cada caso é um caso.

Outra pergunta comum é em quanto tempo após o parto a mulher voltará a ficar em forma. Não existe resposta para esta pergunta, porque ela vai depender de uma série de variáveis, porém é possível afirmar que se a mulher tem um bom preparo físico e se exercitou durante a gestação o processo será significativamente mais rápido. Para maiores detalhes, leia o “Você Sabia?” sobre musculação na gravidez.

Sempre citam como exemplo a cantora Claudia Leitte, que apenas 25 dias depois do parto do seu primeiro filho perdeu 11kg estava fazendo show com barriga de tanquinho. Sinto informar, mas isso dificilmente aconteça com você. Frequentemente me procuram visando este resultado: retorno à antiga forma em um mês, e me sinto na obrigação de dizer: não é possível, salvo em raríssimos casos, como por exemplo o de atletas com excelente condicionamento físico. Portanto, para nós, mortais, barriga de tanquinho um mês depois do parto é utopia. Tenha isso em mente para não se frustrar.

A regra geral é que uma mulher engorde entre 10 e 15kg na gestação e que demore, no mínimo, três a quatro meses para perdê-los, sendo o tempo médio entre cinco e oito meses. E não estamos falando apenas de excesso de peso aqui: o útero aumenta de tamanho e demora um tempo até voltar à sua forma original, isso sem falar nos músculos (papo técnico: músculos retroabdominais) , que são esticados 50% além de sua forma normal na gestação.

A prioridade de quem teve um filho não pode ser outra que não este filho. Por isso a atividade física deve ser muito bem pensada, por um profissional que esteja ciente das peculiaridades que a prática de musculação em uma gestante e no período pós-parto exigem. Só para citar um exemplo, estudos indicam que a prática de mais de uma hora por dia de atividade aeróbica podem reduzir a produção de leite materno e prejudicar a amamentação. Outro exemplo: atividades aquáticas ficam proibidas por um tempo, até que o colo uterino esteja bem fechado, para evitar infecções.

Dentre todas as experiências que tive, a atividade que se mostrou mais promissora em matéria de resultados estéticos foi a musculação, pois ela atua acelerando o metabolismo (e por conseqüência, acelerando a queima de gordura e o emagrecimento) e tonificando a musculatura. Exercícios adequadamente prescritos executados de forma conjugada com um aeróbico de alta intensidade intervalado podem reduzir pela metade o tempo necessário para alcançar o corpo desejado. Não tenha medo de praticar musculação no pós-parto, desde que seja com autorização médica e com acompanhamento de um profissional ciente das suas necessidades especiais. Você não vai se arrepender!

Para dúvidas, sugestões ou informações de treinos: contato@oseupersonal.com.br
Curta nossa Fanpage: www.facebook.com/Oseupersonal
Siga-me no twitter: www.twitter.com/Oseupersonal
Instagram: Instagram.com/Oseupersonal

, ,

About Author

Personal trainer e proprietátio da empresa Oseupersonal.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *